MERCADO DOG

Akita TODAS AS RAÇAS

O cão Akita é de uma grande raça e poderosa que exerce uma presença nobre e intimidante. Foi criado para ser cão de guarda dos nobres no período feudal do Japão e foi acompanhante de caçadores de javalis, ursos e veados. É um cão muito corajoso e fiel a sua família, não recua diante de desafios. Se for bem treinado e socializado é ainda mais carinhoso, respeitoso e divertido.

Apresentação da raça Akita

O Akita é um cão grande, com uma aparência distintamente poderosa. Sua postura simplificá-lo em ser um cão robusto e confiante.

É uma raça conhecida por ser muito leal aos seus tutores, além de ser super doce, carinhoso e sempre irá seguir seu tutor por onde ele for.

O Akita é corajoso, possui uma natureza protetora para com sua família, é teimoso e não foge diante de um desafio.

Não costuma latir, sem que tenha algum motivo ou razão. Ele é um pouco indiferente e desconfiado com estranhos, por isso, socializar um Akita com o máximo de exposição quanto possível fará com que ele seja mais suave, amigável e sociável. Além do mais o Akita é uma raça dominante, se ele não for corretamente treinado, irá dominar seu tutor.

O Akita adora carregar as coisas na boca, o que ele vê pela frente ele pega, incluindo o pulso de seu tutor, que ele pega não como uma forma de agressão, mas de um jeito Akita de ser para se comunicar com seu tutor.

Outra coisa que este cãozinho adora é ajudar seu tutor em casa. Ensiná-lo a pegar o jornal, chinelos ou até mesmo as chaves, fará ele muito feliz, pois ele estará ajudando.

O Akita é um cão que possui traços felino, como exemplo: ele lambe seu corpo como um gato e como um tigre ele persegue suas presas silenciosamente.

Apesar de ser reservado para estranhos, é um cãozinho social que necessita de passar muito tempo com seu tutor e família. Não faz bem para ele ficar só no quintal, um Akita solitário pode ficar agressivo.

Não se recomenda o Akita para tutores de primeira viagem. Porém para aqueles que já estão acostumados com cachorros terão como recompensa um ótimo companheiro leal.

  Destaques e Curiosidades

  • O Akita é um pouco agressivo com outros cães, principalmente se forem do mesmo sexo;
  • A socialização do Akita deve ser iniciada desde pequeno. Se a socialização não for bem feita ou se ele for maltratado, ele poderá ficar agressivo;
  • O Akita tem o instinto perseguidor, então ele perseguirá outros animais de estimação que tiver em casa.

​História e Origem da raça Akita

A raça Akita recebeu este nome em homenagem ao distrito de Akita no norte do Japão, onde estudiosos acreditam que foi nesta região que a raça Akita surgiu.

Desde 1.600 vem se falando do cão Akita, que foi resignado para proteger os nobres japoneses e para caçar aves e até ursos.

Um Akita foi trazido pela primeira vez para a América por Helen Keller. Logo após a II Guerra Mundial, muitos soldados americanos que ficaram no Japão, ao voltar, trouxeram com eles mais Akitas.

Thomas Boyd então, fez cruzas e mais cruzas, gerando o Akita Americano, que se tornou um cão mais robusto que o Akita Japonês. Porém muitas discussões ocorreram pois muitos queriam manter-se fiel al padrão japonês da raça. E só em 1.972, o American Kennel Club aceitou a então nova raça.

Em 1.920, um cãozinho Akita ficou famoso tendo até sua própria estátuta em exposição no bairro Shibuya em Tóquio. Por sua lealdade ao seu tutor, que era professor e voltava do trabalho e o cãoxinho Akita ficava esperando por ele todos os dias na estação de trem. Quando o professor morreu, o fiel cãozinho Akita continuou aguardando a chegada de seu tutor todos os dias até sua própria morte.

Esta história real é um exemplo de que o Akita é um cão corajoso, confiante e que expõe sua devoção inabalável ao seu tutor e sua família.

Características e Personalidade

O Akita é um cão corajoso e intencional, possui uma certa desconfiança de estranhos e é muito leal a sua família. É um cão alerta, inteligente e corajoso. Pode ser agressivo com outros cães especialmente cães do mesmo sexo.

Com sua família o Akita é carinhoso e brincalhão. Ele gosta da companhia de sua família e quer sempre participar das atividades diárias. Ele ama sair pegando tudo o que vê pela frente, como jornal e brinquedos. É um cão barulhento, muito conhecido por reclamar e lamentar do seu próprio jeito.

Esteja ciente que o Akita possui uma personalidade muito forte. E não é aconselhável para tutores de primeira viagem, pois precisa de um tutor experiente que seja forte para fornecer a ele amor e disciplina.

​O Akita é um pouco teimoso, assim o tutor deverá ter bastante paciência. Sendo um cão grande com uma aparência poderosa, o Akita tem uma expectativa mínima de vida de 10 anos e máxima de 12 anos, sua altura equivale entre 23 a 28 centímentros, com peso entre 30 a 60 quilos. É um cão afetuoso, bom para apartamentos, inteligente, territorialista, sensível, determinado, companheiro, leal, tem boa tolerância ao frio, além de possuir extintos de cão de guarda para proteger sua família.

Saúde, Cuidados e Alimentação

Akita são geralmente saudáveis, mas como todas as raças, esta também é uma raça propensa a certas condições de saúde. Nem todos os Akitas irão sofrer de qualquer ou todas as doenças de cachorros que existem, mas é importante e que os tutores estejam cientes delas.

  • Displasia da Anca: é uma doença hereditária em que o fêmur não se encaixa confortavemente na articulação do quadril;
  • Sindrome Dilatação Volvo Gástrico: É uma condição de riscode vida que afeta cães de grande porte e de peito largo como o Akita. Isso acontece quando: eles comem por dia uma refeição muito grande; comem muito rapidamente; quando bebem grandes quantidades de água depois de comer e até se fazem exercícios depois da refeição. Um inchaço ocorre quando o estômago está alargado com gás ou ar. O cão pode arrotar ou vomitar para se livrar do excesso de ar em seu estômago e o retorno normal do sangue para o coração é impedido, a presssão arterial cai e o cão entra em choque. Sem a atenção médica imediata o cão pode morrer. Então se seu cão está com um inchaço suspeito, com o abdomem alargado, salivando excessivamente, vomitando sem vomitar, inquieto, deprimido, letárgico e fraco com o ritmo cardíaco rápido. É importantíssimo levá-lo a um veterinário;
  • Hipotireoidismo: é um disturbio da glãdula tireóide. Os sintomas incluem, infecções crónicas do ouvido, infecções bacteianas da pele, perda de cabelo, letargia e depressão. Podendo ser tratada com medicação e dieta;
  • Atrofia Progressiva da Retina: Trata-se de uma doença nos olhos que envolve a deterioração progressiva da retina. No início da doença, os cães perdem a vista durante o dia, conforme a doença se avança, acaba tendo a perda da visão;
  • Adenite Sebácea: É um problema sério que é mais comum em Samoiedas, Vizlas, Akitas e Standards Poodles. É uma condição genética que é muito difícil de diagnosticar e muitas vezes confundida com hipotireodismo, alergias e semelhantes. Quando o cão tem essa doença, as glândulas sebáceas da pele se inflamam e são destruídas. Essas glândulas produzem uma secreção que não deixa a pele do cão secar. O cão afetado tem a pele escamosa seca e perda de pelo no topo da cabeça, pescoço e costas, além de ficar com um odor desagradável e com outras infecções na pele.

Deixando um pouco de lado os probleminhas de saúde, alguns cuidados relevantes também são muito importantes para que o cãozinho fique sempre saudável. O Akita ficará muito feliz se viver dentro de casa com sua família. Exercícios diários para o cãozinho dessa raça é sempre bom, caminhada, corrida e brincar no quintal são ótimas atividades para o Akita. O que o tutor não deve deixar é seu Akita entediado.

Se ele ficar entediado comportamentos como latir muito, cavar, mastigar e agredir poderão surgir. Então incluir o Akita nas atividades da família e não deixá-lo sozinho é essencial para que ele seja muito feliz.

O Akita possui um duplo revestimento de pelo com um subpelo bastante denso. Seus pelos serão encontrados em móveis, roupas, pratos, nos alimentos, além de formar boals de pelo com poeira no tapete. A troca de pelos ocorre duas ou três vezes por ano. Então se escovar os pelos do Akita a cada semana ajudará a reduzir a quantidade de pelo que cai pelo chão da casa, além de mante os pelos que ficam saudáveis.

O Akita precisa tomar banho cada três meses, porém se ele rolar em uma poça de lama ou algo que o fala ficar sujo e com mau ckheiro, é claro que o tutor deverá levá-lo para tomar vbanho independente dos três meses. As unhas devem ser cortadas uma vez por mês e os ouvidos devem ser limpos e verificados uma vez por semana.

Um dos cuidados também para todos os cães é a socialização desde pequeno. Então passear com o cãozinho para que ele veja pessoas diferentes, visões, lugares e animais diferentes fará bemoara que ele se torne um cãozinho adulto amigável.

Quanto a alimentação adequada depende muito do tamanho, idade, metabolismo e nível de atividade. Os cães são indivíduos assim como as pessoas, e nem todos eles precisam da mesma quantidade de alimento.

A qualidade da ração também faz a diferença. O ideal é comprar uma ração que irá nutrir o cachorro.

Mantenha seu Akita em boa forma, alimente-o sempre duas vezes ao dia.

Pelagem

O Akita possui um duplo revestimento com um subpelo denso, sua pelagem externa não é tão macia quanto o subpelo.

A da pelagem do Akita varia em vermelho-fulvo, vermelho-fulvo e as pontas dos pelos pretas, tigrado e branco.

Relacionamento com crianças e outros animais

Nenhuma criança terá um guardião mais companheiro e leal que um Akita. 

O Akita é ideal para famílias com crianças mais velhas, se a socialização com outros animais na mesma casa for desde pequeno a relação será amigável. Porém, os adultos devem sempre estar de olho enquanto cães e crianças brincam juntos.

 

 

 

Anúncios da raça Akita

Akita

Venda de Filhote

Macho R$ 2.200,00

Akita

Venda de Filhote

Macho R$ 2.200,00

Akita

Venda de Filhote

Macho R$ 2.200,00

Akita

Venda de Filhote

Macho R$ Sob consulta

Fêmea R$ Sob consulta